Mostrando postagens com marcador Merval Pereira. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Merval Pereira. Mostrar todas as postagens

Merval, jornalista ou rábula?

 Em sua coluna no jornaleco O Globo, Merval Pereira aconselha o presidente Jair Bolsonaro de concorrer a reeleição para disputar uma vaga no parlamento - deputado federal ou senador -, e assim manter o foro privilegiado e não ser preso quando terminar o mandato.

Ricardo Pereira: pensei que o Merval era jornalista, não advogado de porta de cadeia

Símbolo do antipetismo sinaliza voto em Lula

"Se houver uma terceira via capaz de disputar o segundo turno, tirar Bolsonaro, essa terceira via será fortalecida e muita gente que hoje está com Lula vai sair. Só que ela não sai do lugar. Parecia que Moro tinha se descolado dos outros, com dois dígitos, mas se ficar tecnicamente empatado com Ciro Gomes, a escolha fica fácil para quem é contra Bolsonaro", escreve, em referência à pesquisa Ipec, que mostra Moro com 6% e Ciro com 5%."
Merval Pereira 

O Globo mente, descaradamente

 Brasil 247  A prova de que a imprensa corporativa também publica fake news está na coluna política desta quinta-feira do jornalista Merval Pereira, do Globo. Ele afirma que os três líderes nas pesquisas: o ex-presidente Lula, que venceria em primeiro turno, o segundo colocado Jair Bolsonaro, que é o atual presidente, e o terceiro Sergio Moro, ex-juiz declarado parcial e suspeito pela suprema corte brasileira, seriam os três mais rejeitados pelos eleitores. É uma informação falsa, como demonstram todas as pesquisas.

O levantamento Genial Quaest, divulgado ontem quarta-feira 8, deixa claro que Lula não está entre os mais rejeitados pelos eleitores. Muito pelo contrário. Enquanto 64% não votariam em Bolsonaro em nenhuma hipótese, a rejeição de Moro é de 61%, seguida pela de João Doria (59%) e Ciro Gomes (55%). Ou seja: entre os candidatos conhecidos, Lula é o menos rejeitado, com 43%. É o único entre os cinco nomes viáveis, portanto, que aparece com rejeição inferior a 50%. 

Eis o que escreveu Merval Pereira em sua coluna. "A exemplo do que aconteceu em 2018, os favoritos nas pesquisas eleitorais são os três mais rejeitados pelos eleitores, por razões diversas. Misturam-se aqui várias transgressões, à escolha do freguês", escreveu.

www.brasil247.com - Merval Pereira, Bolsonaro, Sergio Moro e Lula


***

Mentiras, "fake news" faz tempo que é uma das especialidades do GAFE - Globo,Abril,Folha e Estadão -.Aprenda com Raulzito a ser capaz de mentir sozinho.